Versão OriginalMenu
Da Redação | 12 de Junho de 2017 - 09:55:00

Safra de milho começa em julho

Expectativa é de que a produção será superior a safra anterior
Colheita da safra deve começar no p´roximo mês na maioria das regiões produtoras de milho

Em Mato Grosso do Sul, o início da colheita do milho 2º safra está previsto somente para o final do mês de julho, é o que apontam as informações da Circular Técnica nº 212, do Siga MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio).

Os dados foram levantados por técnicos do Siga MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio), da Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul). Eles percorreram propriedades nos principais municípios produtores do Estado durante a 5ª semana de maio. Além das visitas, foi realizado contato com empresas de assistência técnica, representantes sindicais e de empresas privadas.

O balanço aponta que as regiões norte, centro-norte e centro apresentam boas condições climáticas e as lavouras encontram-se com bom potencial de produtividade. Pragas, doenças e plantas daninhas encontram-se controladas, e a previsão de início da colheita é para o final do mês de junho.

Nas regiões sudoeste, sudeste, sul e sul-fronteira, as condições climáticas também são boas e, assim como no restante do Estado, as lavouras encontram-se com bom potencial de produtividade. Pragas, doenças e plantas daninhas também encontram-se controladas. Já a previsão para o início da colheita é para o começo do mês de julho no sudoeste, sudeste e sul. A exceção é a região sul-fronteira, a colheita está prevista para começar antes, na segunda quinzena de junho, e a cidade de Bonito, onde a colheita deve começar no final de julho.

Em relação às vendas, Mato Grosso do Sul apenas 15,11% da 2ª safra de milho até o dia 05 de junho, de acordo com dados da Granos Corretora. Isso representa um atraso de 35 pontos percentuais em relação a igual período da safra passada.

Já o preço médio da saca de milho registrou alta de 1,87% entre 01 e 06 de junho deste ano, com a saca negociada a R$ 19,10 ao final do período, também segundo dados da Granos Corretora.

Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews