Versão OriginalMenu
Da redação | 17 de Junho de 2017 - 13:10:00

PMA apreende redes de pesca

Mais de 900 metros de redes e anzóis de galho foram apreendidos no rio Baía e Ivinhema

Equipes da Polícia Militar Ambiental de Batayporã que trabalham na operação Corpus Christi retiraram 8 (oito) redes de pesca, medindo 900 metros ontem (16) e hoje (17) nos rios Baía e Ivinhema, bem como em lagoas marginais a esses rios. Além das redes, foram retirados 67 anzóis de galho. 10 kg de pescado que estavam presos às redes ainda vivos foram soltos nos rios.

Os petrechos proibidos estavam instalados nos rios e lagoas marginais e os infratores proprietários do material não foram localizados e nem identificados. Normalmente os pescadores deixam os petrechos ilegais escondidos e, durante a madrugada, quando não percebem fiscalização, armam e os conferem, retirando os peixes capturados. Isso torna difícil a prisão dos infratores, haja vista o curto espaço de tempo que permanecem no rio.

A manutenção da fiscalização e retirada desses petrechos precisam ser constantes, tendo em vista, a grande capacidade de captura e ocasionamento de mortes dos peixes, devido ao grande poder de captura desses tipos de petrechos ilegais. A retirada desta quantidade de redes, espinheis e anzóis dos rios impede a degradação dos cardumes.

 

Subir ao TopoVoltar
PlataformaPlataforma de Notícias DothNews